VERGONHA DO BRASIL: TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL CASSA MANDATO DE SENADORA DO PSL

sexta, 12 de abril de 2019

ver

Por unanimidade, os 7 Juízes do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso Cassaram o Mandato da Senadora Selma Arruda (PSL) por Abuso de Poder Econômico e uso de Caixa 2 nas Eleições de 2018.

sen 

A decisão foi tomada em uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral.

 

O Desembargador Pedro Sakamoto impôs inelegibilidade de 8 Anos.

 

Como ainda cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a Senadora permanece no Cargo até uma decisão definitiva.

 

Em Mato Grosso, Selma ganhou o apelido de "Sérgio Moro de Saias" por sua atuação em Ações Criminais contra Políticos e Servidores Públicos.

 

Ela mandou prender o Ex Governador Silval Barbosa e Empresários influentes no Estado, em 2017.

 

Também condenou a 26 Anos de Prisão o Ex Deputado José Riva pela participação em esquema de Corrupção quando Ele foi Presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

 

A Ex Juíza foi Eleita com 678 Mil Votos, e declarou Bens no Valor de R$ 1,4 Milhão.

 

As investigações começaram quando a Senadora fez gastos de Campanha considerados incompatíveis com seu Patrimônio declarado ao TSE.

 

Após a Quebra de seu Sigilo, foram Identificadas Transações do seu primeiro-suplente, Gilberto Possamai, e sua Mulher, Adriana, para a conta da então Candidata.

ESTES ACREDITAM E INVESTEM EM SUA MARCA, E TAMBÉM ACREDITA NO NOSSO TRABALHO

med

ofic

1 a apoio soares

1 a apoio cantinho da paz din

Redação:“CNM” Central de Notícias do Matuto (0231-19)5

Para: www.blogdomatuto.com.br

Reportagem: Matuto “O Repórter do Povo"

Desenvolvido por Fábio Belo