MORRE, NO RECIFE, A JORNALISTA E APRESENTADORA GRAÇA ARAÚJO

sábado, 08 de setembro de 2018

luto

LUTO NO JORNALISMO

graça araujo

A comunicadora estava internada no Hospital Esperança desde a última quinta-feira (6), quando sofreu um AVC Hemorrágico. Graça Araújo apresentava o TV Jornal Meio-Dia há 26 anos e o Rádio Livre há 17 anos.


Morreu, na tarde deste sábado (8), no Recife, a apresentadora da Rádio e TV Jornal, Graça Araújo. Após passar por um mal súbito, no início da noite da última quinta-feira (6), Graça foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para o Hospital Esperança, bairro da Ilha do Leite, área central do Recife.


Às 15h deste sábado, a assessoria de comunicação do Hospital Esperança emitiu nota que informa sobre o falecimento da jornalista.


"A Direção médica do Hospital Esperança Recife informa o falecimento da jornalista Graça Araújo às 12h55 de hoje, ocasionada por um AVC hemorrágico extenso. A pedido da família, com o objetivo de preservar este momento, não haverá pronunciamento da equipe médica que acompanhou a paciente.

Recife, 8 de Setembro de 2018."


Um dos principais nomes do jornalismo pernambucano, Maria Gracilane Araújo da Silva, conhecida como Graça Araújo, de 62 anos nasceu na cidade de Itambé, Zona da Mata Norte de Pernambuco. Aos três anos de idade, se mudou com a família para São Paulo, onde viveu até adulta. Antes de iniciar a carreira na área de comunicação, trabalhou como embaladora de enxoval de bebê, em uma agência bancária e também como secretária em uma revista.


Força, honestidade, convicção. Graça Araújo é uma mulher de fibra, de opinião. Inteligente e bem informada, ela é de uma gentileza e de uma humildade dignas do espaço que ocupa. No comando do TV Jornal Meio-Dia há quase 26 anos e do Rádio Livre há 17 anos, Graça conquistou a todos com amor, grandiosidade e defesa dos mais frágeis.


Nota do empresário João Carlos Paes Mendonça

O empresário e Presidente do grupo JCPM e do Sistema Jornal do Commércio de Comunicação, João Carlos Paes Mendonça,  lamentou a morte da apresentadora Graça Araújo.


“É uma notícia extremamente triste para todos nós. Estou no Sistema Jornal do Commercio de Comunicação há 31 anos, dos quais 28 tive o privilégio de contar com a competência, dedicação e garra de Graça Araújo. Ao longo dessas quase três décadas, nos tornamos próximos e, além de uma admiração profissional, sempre tivemos um respeito grande um pelo outro. É um dia de muito pesar. Para os familiares, amigos e para o jornalismo brasileiro que perde uma das mais competentes profissionais”.


Fonte: NE10

Desenvolvido por Fábio Belo